Quando alimentamos mais a nossa coragem do que os nossos medos

Alimentando nossa coragem

A esperança tem duas filhas lindas, a indignação e a coragem; a indignação nos ensina a não aceitar as coisas como estão; a coragem, a mudá-las.

“Quando alimentamos mais a nossa coragem do que os nossos medos, passamos a derrubar muros e a construir pontes.”

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *